Home         Igreja Virtual         Multimídia         Cultos           Rede Gospel            Gospel FM         Igospelmail
10 Artistas que venceram dificuldades se apoiando na f!

Existem muitos artistas que não atribuem a fama e o sucesso ao talento, mas ao seu relacionamento de entrega a Deus. Veja, a seguir, 10 bons exemplos: 
 
1- Chuck Norris
 
 
Além de ser um grande incentivador da distribuição de Bíblias em escolas públicas dos Estados Unidos, em seu livro "Against All Odds: My Story” (“Contra Todas As Possibilidades: Minha História”, em tradução livre), o grande ícone dos filmes de ação dedicou a Deus todos os créditos de sua ascensão profissional e financeira.  
 
2- Denzel Washington
 
 
Em 2015, Denzel Washington foi convidado para fazer um discurso durante a formatura dos alunos da Dillard University, em Nova Orleans (EUA).
 
Em seu pronunciamento de dez minutos, o ator norte-americano, vencedor de dois Oscars, aconselhou os estudantes presentes a priorizarem sua relação com Deus.
 
"Coloque Deus em primeiro lugar em tudo o que fizer. Tudo o que você acha que vê em mim e pensa que eu tenho feito, tudo o que você acha que eu tenho e tudo o que realmente tenho é pela graça de Deus. Entenda isso! É um presente!", afirmou.
 
Nascido em lar evangélico, o ator também fez questão de mencionar o quanto Deus sempre o protegeu de tudo e que, em 1976, sua mãe recebeu uma profecia de uma mulher em um salão de beleza. De acordo com ela, Denzel viajaria pelo mundo e atrairia multidões. 
 
"Eu tenho sido protegido, dirigido e corrigido! Eu mantive Deus em minha vida, e Ele me manteve humilde. Eu nem sempre estive com Ele, mas Ele sempre esteve comigo. Então, mantenha-se com Ele em tudo o que fizer", concluiu.
 
Em entrevista para GQ, o protagonista de “O Livro de Eli” também incentivou os fãs a terem uma vida de oração: “Antes de dormir, coloque seus chinelos debaixo da cama. Assim, quando você se levantar de manhã, terá que ficar de joelhos para encontrá-los. E, quando estiver lá, comece o dia com uma oração.”.
 
3- Bono Vox
 
 
Em entrevista ao programa irlandês "The Meaning of Life", Bono Vox falou sobre sua fé em Jesus Cristo e contou seu testemunho.
 
Quando questionado sobre seus hábitos de oração, o líder da banda U2 foi direto: “Eu oro para Cristo... Oro para conhecer a vontade de Deus, porque, em seguida, as orações são mais propensas a se tornarem realidade!”.
 
O cantor também explicou como ele e a família se relacionam com Deus. “Simplesmente, nos juntamos na cama e oramos com todos os nossos filhos, lemos a Escrituras... É uma coisa normal. Às vezes, quando vamos à igreja aos domingos, vamos sozinhos, por conta própria, como uma família”, declarou.
 
O ponto alto da entrevista foi quando o apresentador perguntou quem, na opinião dele, era Jesus Cristo. Bono Vox, tranquilamente, respondeu: “Eu acho que é um fator determinante para os cristãos perguntarem quem Cristo é. E eu acho que você não pode escapar facialmente, dizendo que ‘foi um grande pensador ou um grande filósofo’”.
 
“Na verdade, Ele circulou, dizendo que Ele era o Messias. Por isso, o crucificaram. Ele foi crucificado, porque dizia que era o Filho de Deus. Então, do meu ponto de vista, ou Ele era realmente o Filho de Deus ou um louco... E eu acho difícil de aceitar que milhões de vidas, por mais de dois mil anos, foram tocadas, sentiram que suas vidas foram transformadas e foram inspiradas por um louco. Apenas, acho que não!”, concluiu.
 
O vocalista do U2 ainda afirmou que credita na ressurreição de Jesus Cristo e no cumprimento de todas as profecias descritas na Bíblia.
 
O vídeo com as revelações foi compartilhado por milhares de internautas. Confira a versão da entrevista legendada:
 
 
4- Kevin James
 
 
O comediante e ator, conhecido pelos filmes “Gente Grande” e “Segurança de Shopping”, faz questão de expor suas convicções durante as entrevistas. “Minha fé me ajuda em tudo, me molda, e eu sempre tento glorificar a Deus nos filmes”, afirmou ao site The Christian Post.
 
5- Oprah Winfrey
 
 
Primeira bilionária negra do mundo, Oprah Winfrey tem uma trajetória marcada por muitos sucessos. É uma apresentadora premiada e uma das mais bem pagas. À frente do seu talk-show, conseguiu alcançar a maior audiência da história da TV norte-americana.
 
Conhecida por seu forte engajamento em questões humanitárias, Oprah é considerada uma das maiores filantropas dos Estados Unidos. Na África do Sul, mantem uma entidade que atende crianças carentes.
 
Em divulgação à série "Belief” –  apresentada em sua própria rede de televisão, a Oprah Winfrey Network (OWN) –, a apresentadora emocionou o público com suas declarações.
 
"Hoje, eu sinto o amor feroz de Deus em tudo. Tão profundo. Tão forte e tão puro em meu coração, que me coloca de pé e me conduz. Às vezes, eu me sinto mais leve com o amor, que é Deus, porque eu sinto isso em todas as coisas!", afirmou ela durante a atração. 
  
Esta não foi a primeira manifestação de fé da apresentadora. Em um outro vídeo, ela afirmou que sua base cristã a manteve de pé durante sua carreira. "Tudo o que sou vem da minha crença no que eu chamo de Deus", declarou.
  
Nascida em lar cristão, a apresentadora conta que cresceu ouvindo histórias bíblicas e que aprendeu muito com elas. "Eu cresci ouvindo as histórias de Elias, Eliseu e de Sadraque, Mesaque e Abede-Nego passando pelo fogo. Todos esses personagens e histórias bíblicas foram o que eu aprendi antes de aprender poemas ou contos de fadas. Eu aprendi o que significa confiar em Jesus, e não confiar em meu próprio poder. Inspirada nestas histórias, eu cresci sabendo que o real medo vinha quando eu confiava em mim mesma, e que só seria possível ser destemida se eu entregasse meus medos a quem é superior a mim, e deixasse Deus me conduzir", afirmou.
 
Oprah teve uma infância muito difícil, mas, por meio dos ensinamentos que recebeu na igreja, conseguiu superar a falta da figura paterna. Até os 6 anos de idade, ela foi criada pela avó. "Não cresci com um pai, mas eu ouvia, na igreja, que Deus era o meu Pai, que Deus era o Pai de todos nós, e que Jesus era o filho de Deus. Então, na minha imaginação, a minha maneira de pensar sobre Deus era 'Deus é meu Pai, e Jesus é o Seu Filho. Então, eu sou Sua filha também. Eu não estou mais disprotegida'", disse.
 
6- The Rock
 
 
Dwayne Johnson, também conhecido como The Rock, é ator, produtor e lutador de luta livre.  Mesmo com sua trajetória de sucesso, há alguns anos, enfrentou um de seus “oponentes” mais difíceis, a depressão, considerada um dos males do século 21.
 
Em entrevista à apresentadora Oprah Winfrey, The Rock afirmou que seu relacionamento com Deus foi um fator decisivo para que ele desse a volta por cima e que, atualmente, se considera um homem abençoado.
 
"Eu tenho a minha própria relação especial com Deus! Eu me considero um homem muito abençoado", disse.
 
Para o ator hollywoodiano, a fé é  fundamental: "Segure-se nessa qualidade fundamental que é a fé. Tenha fé e, do outro lado de sua dor, haverá algo bom!".
 
7- Candace Cameron Bure
 
Imagem relacionada
 
A atriz Candace Cameron Bure, conhecida por sua atuação na serie "Três é Demais", que fez muito sucesso nos anos 90 e voltou com força total à Netflix, revelou à revista People que sua fé em Deus a ajudou a superar o disturbios alimentares que desenvolveu por não saber lidar com sua nova rotina de esposa.
 
"Com a mudança na rotina de trabalhar desde que eu tinha cinco anos de idade para me tornar uma esposa e logo me tornar mãe, vivendo em uma cidade onde eu não tinha família e amigos ao meu redor, eu meio que perdi o senso de quem eu era", relatou.
 
Casada com o ex-jogador de hóquei, Valeri Bure, Candace conta que, no início do casamento, ele vivia com a agenda lotada. "Eu me sentia solitária, tantas noites sem saber o que fazer comigo mesma. Mas havia uma 'amiga' que sempre esteva lá, que era tão prontamente disponível a qualquer hora que eu quisesse. Essa 'amiga' era a comida", lembra ela.
 
Com o passar do tempo, a atriz começou a se sentir culpada pela falta de controle. Logo, ela desenvolveu outro distúrbio alimentar, a bulimia. "Tornou-se uma relação muito destrutiva, e foi algo que realmente me pegou desprevenida, e, mesmo sem saber, eu, simplesmente, já não tinhas mais controle de nada", relatou.
 
Para superar a doença, sua relação profunda com Deus e o apoio da família foram essenciais. "O problema nunca esteve relacionado ao meu peso, foi uma questão emocional. A cada ano que passa, sinto-me cada vez melhor e mais confiante em relação ao meu corpo e à mulher que eu sou. Agradeço a Deus e à minha família pelo apoio incondicional”, afirmou.
 
Imagem relacionada
 
Hoje, mãe de três filhos, Candace afirmou que faz questão de mostrar que, sem fé, é impossível superar as dificuldades que a vida impõe e nossas próprias limitações: "A minha fé é quem eu sou. Jesus me libertou de todas as minhas prisões emocionais! E eu carrego isso comigo sempre, aonde quer que eu vá. Eu não penso nisso em termos de eu tenho que viver com isso, ou agir desta ou daquela maneira, eu, simplesmente, vivo. A Bíblia diz que Deus quer tudo de nós você, e que Ele está 100% conosco!". 
 
8- Kel Johari Rice Mitchell
 
 
Quase todo mundo se lembra da série Kenan & Kel, estrelada pelos atores Kenan Thompson e Kel Johari Rice Mitchell, entre 1996 e 2000, na Nickelodeon. A atração, atualmente exibida pelo SBT aos sábados, mostra a vida de dois adolescentes atrapalhados.
 
Depois de quatro temporadas e diversas premiações, a série chegou ao fim, e os dois grandes amigos seguiram rumos diferentes no meio artístico. Kenan fez algumas participações em programas e filmes. Kel, por outro lado, não obteve muito sucesso e acabou sucumbindo emocionalmente. Para lidar com as frustrações, recorreu às drogas.
 
“Vivi uma vida perigosa de drogas, abuso de álcool e depressão. Pensei até em suicídio”, revelou o ator.
 
O que tirou Kel do fundo do poço foi o evangelho. Em 2013, ele aceitou Jesus, e, desde então, tem se dedicado à missão de levara a mensagem que o libertou.
  
“Já passei por tantos altos e baixos na minha vida, mergulhado no pecado, lidei com a perda de quem eu amava, com a violência de gangues, as dívidas, as dores, a vaidade, a luxúria, o desgosto.... Sempre me sentindo perdido e à procura de respostas. Eu estava tentando descobrir tudo sozinho. Mas só o que eu precisava era voltar para Ele. Quando me reencontrei com Cristo, soube que tudo daria certo. Venci a depressão e o vício. Eu gosto de viver esta vida. Não deixo mais as frustrações ou preocupações me abalarem. Eu tenho paz no meu coração, porque eu tenho Deus”, afirmou.
 
Nesta nova jornada de fé e autoconhecimento, Kel também ganhou uma família e retomou sua carreira. Ele casou com a cantora gospel Asia Lee e estrelou a série “Game Shakers”, da Nickelodeon.
 
9- Reginald Arvizu
 
Reginald Arvizu, mais conhecido como Fieldy,  baixista da banda Korn. (Foto: Reproduo)
 
O baixista da banda Korn, Reginald Arvizu — mais conhecido como 'Fieldy' — trilhou uma carreira invejável aos olhos de muitos roqueiros. Tocou para multidões, conquistou prêmios e vendeu milhões de discos. Mas, nos bastidores, sua vida era vazia. As drogas foram a solução que ele encontrou para lidar com as frustrações ou, por alguns minutos, esquecê-las.
 
Em um dos seus momentos de maior dor, ele foi apresentado ao Deus que poderia salvá-lo de tudo o que o atormentava. Poucos dias antes de morrer, o pai de Fieldy entregou sua vida para Jesus e expressou o desejo de que o músico fizesse o mesmo.
 
Pouco tempo depois, Deena – namorada do baixista na época – também se rendeu a Cristo e mostrou a estrela do rock que Deus também tinha um plano para ele. O músico, então, cedeu ao apelo do grande amor de sua vida.  
 
"Eu só fiz aquela oração porque todo mundo estava pirando. Não significou muito. Eu estava tão fora de mim naquele momento... Voltei para casa e foi aí que passei por um momento difícil. Eu só comecei a pensar em tudo — o que eu estava fazendo para mim e o que estava deixando para trás. Eu não sei. Não aguentava mais”, lembra ele.
 
Depois de um momento de reflexão, Fieldy decidiu mergulhar de cabeça no novo estilo de vida que foi apresentado a ele e fez uma oração, mas, desta vez sincera.  "Eu senti arrepios em todo o meu corpo, quase como calafrios. Eu estava chorando. Você pode fazer uma oração com seu cérebro, mas isso não vai mudar nada. Você tem que fazer isso com seu coração. Quando aceitei Cristo, eu disse: 'Ok, agora vou orar por algumas dessas coisas que me escravizam!'. Jesus me transformou etapas. Eu parei com tudo, desde a maconha até as pílulas. Ele me salvou”, destacou.
 
Já liberto do vício das drogas, Fieldy decidiu pedir perdão para todas as pessoas que prejudicou.  O músico revelou que confessar suas traições à Deena foi o seu maior desafio. “Eu ia ficar triste se ela me deixasse. Eu pensava: 'Eu, realmente, tenho que ter uma chance mesmo depois de confessar minhas traições’. Eu arrisquei", afirmou ele.
 
Deena decidiu abrir mão de seu orgulho para dar uma segunda chance ao amor. Eles já estão casados há mais de dez anos e formaram uma linda familia.
 
10- Hugh Jackman
 
Hugh Jackman ficou mundialmente conhecido por interpretar Wolverine, na franquia X-Men. Mas o que poucos sabem é ele é um homem de fé.
 
Resultado de imagem para Hugh Jackman
 
Em entrevista recente à revista People, o astro revelou que sua inspiração para ser ator surgiu na igreja. “Eu frequentava seguidamente encontros de evangelismo. Quando eu tinha uns 13 anos, tive um estranho pressentimento de que um dia estaria no palco, como aqueles pregadores que eu via”, contou.
 
Jackman também afirmou que dedica todas as suas atuações a Deus: “Antes de entrar no palco todas as noites, eu paro e dedico o meu desempenho para Deus, no sentido de que ‘eu possa me render a Ele”.
 
“Pode até soar estranho, mas, no filme Carruagens de Fogo, o corredor Eric Liddell diz: ‘Quando eu corro, eu sinto o prazer que vem de Deus’. E eu sinto este prazer quando atuo e está indo tudo bem, especialmente no teatro”, acrescentou.
 
Novidades
 
Jackman vai produzir e estralar o filme “Apóstolo Paulo”. A nova trama bíblica será baseada na história de um dos maiores ícones das Escrituras Sagradas.
 
Na trama, assim como relata o livro de Atos 9, Paulo se chamava Saulo e era um dos principais perseguidores de Jesus Cristo. Durante uma viagem, ele é visitado por uma forte luz, que o deixa cego. Antes de voltar a enxergar, Saulo se converte ao cristianismo.
 
Mesmo com essa passagem tão conhecida, não se sabe ainda se a produção será 100% fiel à narrativa bíblica. O longa ainda não possui previsão de lançamento.
 
De acordo com o site norte-americano Deadline, Matt Damon e Ben Affleck também farão parte da produção.  
 
 
Redação iGospel
Leia tambm:
Artistas contam as experincias que viveram na Marcha (30.06)
10 artistas famosos que j cantaram msicas gospel (06.07)
Artistas do meio gospel fazem convite para a Marcha (22.05)
Artistas fazem convite para a Marcha para Jesus (13.06)
Renascer Praise est entre os artistas mais ouvidos na Deezer (14.04)

Publicado em 14/07/2017
Matérias | Igrejas | Bíblia BUSCADOR


Mais Notícias
25.07
Igreja Renascer realiza "Culto de Batalha Espiritual"
23.07
Como se tornar um profissional diferenciado?
22.07
Ap. Csar Augusto: Deus levantou uma gerao apostlica
22.07
Jesus buscar uma Igreja madura, diz o apstolo John Kelly
22.07
Apstolo ministra sobre poder do manto apostlico no encerramento da Conferncia
22.07
Domingo dia de receber as liberaes do Senhor!
21.07
Apstolo Quiroa: Vamos estabelecer o reino de Cristo!

Radio Gospel FM 90.1 | Marcha para Jesus | Renascer Praise | O2 Church
Todos os direitos reservados - 2017 | Ano Apostólico de Samuel
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.