Home         Igreja Virtual         Multimídia         Cultos           Rede Gospel            Gospel FM         Igospelmail
Doces ou travessuras: Como ficam os cristãos no Halloween?

No dia 31 de outubro, comemora-se o Halloween, mais conhecido no Brasil como o “Dia das Bruxas”. O Halloween é um tipo de celebração pagã dos antigos povos celtas que viveram ao território que compreende Inglaterra, França e Alemanha. Primeiramente, foi chamado de All Hallow’s Even (noite que antecede o Dia de Todos os Santos) e posteriormente reduzido para Halloween.
 
A “tradição” foi trazida para as Américas pelos irlandeses. Os disfarces e máscaras, tão usadas pelos participantes da festa, seriam uma forma de evitar que fossem reconhecidos pelos espíritos que vagam neste dia. Atualmente, as fantasias são utilizadas por crianças que batem às portas exigindo guloseimas no lugar de alguma travessura contra o proprietário da casa.
 
Por conta dos elementos que cercam a data comemorativa e sua origem, a maioria dos cristãos desaprova a celebração do Halloween. Alguns, entretanto, acreditam que não passa de uma brincadeira inocente.
 
Obviamente, por trás desta comemoração, existe também um grande interesse econômico. O Halloween movimenta bilhões de dólares por ano.            
 
O que será que a Bíblia diz?
 
Por trás de algo que possui uma aparência de bem, pode haver um grande comprometimento espiritual.
 
Em 2 Coríntios 11.14, está escrito que Satanás se transfigura em anjo de luz para enganar os ungidos de Deus.
 
O Halloween é uma celebração aos mortos. Alguns símbolos desta festividade tão tradicional aqui nos Estados Unidos deixam isso muito claro.
 
Em Deuteronômio 18.10 a 12, o Senhor nos deixa uma ordem clara: “Não se deve encontrar em seu meio alguém que queime seu filho ou sua filha no fogo, ou que use de adivinhação, ou que pratique magia, o que presságios, ou feiticeiro, ou alguém que prenda outros com encantamento, ou que consulte quem invoca espíritos, ou adivinho, ou alguém que consulte os mortos.”.
 
Em 1 Coríntios 6.12, Paulo fala que tudo nos é lícito, mas nem tudo nos convém.
 
Em 1 Coríntios 10.20 e 21, ele é enfático: “Não quero que vocês tomem parte nas coisas dos demônios. Vocês não podem beber do cálice do Senhor e também do cálice dos demônios.”.
 
Em 2 Coríntios 6.15, também: “Não vos prendais a um jugo desigual com os incrédulos; pois que sociedade tem a justiça com a injustiça? ou que comunhão tem a luz com as trevas?”.
 
E ainda, em 1 Tessalonicenses 5.22, ele ainda fala para fugirmos da aparência do mal.
 
Em uma de suas lives, a Bispa Fernanda Hernandes abordou o assunto detalhadamente. Acompanhe abaixo:
 
 
Acompanhe também o texto que ela publicou em suas redes sociais:
 
O Halloween é uma festa muito julgada, principalmente nos Estados Unidos.
 
Precisamos ter consciência de que o Halloween não é somente uma festa.
 
É uma festa da cultura celta, praticada na Europa e trazida pelos irlandeses para a América do Sul. As pessoas, na época, acreditavam que, se você saísse de casa no dia 31 de outubro, fantasiados de algo que remetesse à figura da morte, passaria despercebido pelos espíritos malignos e, desta forma, não seria atacado por eles.
 
O que significa Halloween? Festa das Bruxas. É a celebração aos mortos. O tema central é a morte. Não é só uma festa à fantasia…
 
Na América do Norte, onde ela é amplamente divulgada, você não verá nenhuma casa decorada com símbolos que remetem à vida. Nós somente vemos caveiras, teias de aranha, bruxas…
 
Assim como muitas mães, eu recebi um e-mail da escola dos meus filhos com algumas orientações para este dia. Eu sinalizei que eles não estariam presentes! Por quê? Eu me recuso a vestir meus filhos de morte. Eu não vou caracterizá-los com nada que possa fazer qualquer referência às trevas.
 
O fato de você ignorar o mundo espiritual não anula o seu poder de influência sobre o mundo natural…
 
Não podemos nos deixar levar pelos costumes da terra. Não existe comunhão entre luz e trevas.
 
Nós, como cristãos, todos os anos, celebramos o Natal, que representa o nascimento de Jesus – independente se é a data correta. Essas comemorações fazem sentido, pois, fazem referências à vida e têm base bíblica!
 
Tome cuidado com as pequenas concessões. Não leve o ambiente do mundo para a sua casa ou para a igreja!
 
Que a paz, em tudo, seja o árbitro do seu coração! Na dúvida, peça sabedoria ao Senhor. Tenho certeza de que Ele iluminará o seu entendimento!
 
Nas nossas igrejas dos Estados Unidos, nós preparamos uma programação diferente para o Halloween Trata-se do Hallelujah.
 
Além de desfrutar de todas as atividades, todos os participantes da festa, que vêm fantasiados dos seus personagens favoritos.
 
Nós mostramos às crianças que elas podem ser diferentes e, ainda, proporcionamos um momento de diversão, em um ambiente cheio de luz, não de trevas.
 
 
Redação 
Leia também:
Igreja Renascer realiza campanha de oração para 2021 (31.12)
Neste sábado! Encerramento da campanha "Consagrando 2021" (18.12)
Campanha "Consagrando 2021": tema e oração do dia (19.12)
Igreja Renascer inicia campanha "Consagrando 2021" (08.12)
Igreja Renascer inicia campanha "Consagrando 2021" (08.12)

Publicado em 26/10/2020
Matérias | Igrejas | BUSCADOR


Mais Notícias
26.02
Jejum da Grande Porta termina neste sábado
26.02
Acompanhe os temas e as orações do Jejum da Grande Porta
26.02
Dicas de filmes para te inspirar neste final de semana
26.02
Hoje! Culto de Libertação nas igrejas Renascer em Cristo
25.02
Vigília Nacional da Dança será 100% online
25.02
"Bíblia" de Gutenberg: 4 fatos surpreendentes sobre o livro
25.02
Marcela Tais lança o álbum "Não Sou Tão Forte"

Radio Gospel FM 90.1 | Marcha para Jesus | Renascer Praise | O2 Church
Todos os direitos reservados - 2021 | Ano Apostólico de Rute
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.