Home         Igreja Virtual         Multimídia         Cultos           Rede Gospel            Gospel FM         Igospelmail
Submissão de Rute é tema da Ceia de setembro
A palavra foi ministrada pelo Apóstolo Estevam neste sábado, na Renascer Arena

Neste sábado, 07/09, aconteceu a ceia de oficiais das Igrejas Renascer em Cristo, na Arena Renascer, em São Paulo, a partir das 17horas. O tema da ministração foi ‘A Submissão de Rute’.
 
A imagem pode conter: 1 pessoa, mesa
 
Antes de iniciar, Apóstolo Estevam Hernandes orientou: “Hoje é 07 de setembro e o Brasil precisa do clamor do povo de Deus para que o Senhor conduza esta nação. Feliz é a nação cujo deus é o Senhor, e nesta nação o nome do Senhor tem sido glorificado. Vamos orar pelo Brasil e pelo nosso presidente. Esta semana ele vai passar por uma cirurgia e vamos clamar pela vida dele. Entre erros e acertos queremos ver o Brasil sarado, curado e isso passa pelo clamor do povo de Deus.”
 
A insubmissão e a rebeldia são a fonte e a raiz de todas as derrotas na vida dos homens
 
Durante quase duas horas, Apóstolo Estevam falou sobre a importância do sentimento de submissão como um dos mais importantes valores espirituais de um servo de Deus. Com base em Filipenses 2.5-11, ele lembrou que submissão foi o sentimento de Cristo, enquanto a insubmissão e rebeldia são sentimentos de Satanás. E destacou o exemplo de Rute:
 
“Uma das características mais fortes da personalidade de Rute era a submissão. Ela era mais nova, mais bela, mais forte e não tinha, humanamente falando, nada que a prendesse a sua sogra, mas havia nela um sentimento que a colocava em plena submissão espiritual. Infelizmente, hoje, é um dos valores mais roubados na vida espiritual, mais roubados no evangelho da moda, mais roubados nas pessoas que às vezes falam que servem a Deus, que são servos de Deus, mas não são submissos à direção, ao planos e à vontade de Deus”, afirmou.
 
Apóstolo explicou que Jesus, até o último momento como homem, poderia ter sido insubmisso, mas ante seu sacrifício na cruz, ele disse: “Seja feita a Tua vontade”. E garantiu que a única maneira de vivermos o plano de Deus para nossas vidas é através da submissão. “Não existe outro caminho. Vamos imaginar que Rute se enchesse de razão própria e dissesse: eu não vou com Noemi, eu não tenho nada que me prenda a ela, e tomasse um outro rumo. Ela estaria sendo roubada em relação ao plano de Deus”.
 
E continuou:
 
“O que acontece hoje? Vemos o inimigo usando a rebeldia como forma de culto a ele, destruindo o plano de Deus na vida das pessoas, porque é exatamente o que ele faz. Podemos observar a maneira corrosiva do desrespeito às autoridades espirituais, desrespeito aos princípios da Palavra, desrespeito aos valores espirituais. Nós estamos vendo as pessoas querendo criar seu próprio evangelho segundo a sua conveniência, porque nos últimos dias as pessoas terão como que comichões nos ouvidos e não suportarão a sã doutrina por causa do espírito contrário ao de Cristo.
 
Em 1 Samuel 5, Saul foi tomado por esse espírito -- porque é um sentimento que entra na pessoa e contamina o relacionamento pessoal, familiar, profissional e, sobretudo, o relacionamento espiritual. Deu falou muito forte sobre a origem da submissão e da insubmissão. Satanás desenvolve esse sentimento ao querer ser maior do que Deus e se rebela contra Deus (Is 14.12-15). O nome dele era Lúcifer (anjo de luz) e ele era um querubim ungido. Então, como nasceu esse sentimento dentro dele? O Espírito Santo falou ao meu coração que Deu é tão perfeito em amor que até aos anjos deu a liberdade de sentir. Deus lhes deu a liberdade da submissão ou insubmissão.
 
Lúcifer desenvolveu esse sentimento e contaminou um terço de todos os anjos e por causa disso ele foi lançado no abismo, porque desejou ser semelhante ao altíssimo. A origem deste sentimento está em Satanás. Todo homem insubmisso tem um espírito de Satanás, porque esse sentimento não vem de Deus e nem de Cristo. O sentimento de Cristo é de submissão.
 
A imagem pode conter: 1 pessoa, no palco e ?¡rea interna
 
Saul (1Sm 15.23)
 
Nós vemos o que aconteceu na vida de Saul. Ele não era ninguém, era apenas um homem alto e diferenciado dos outros pelo aspecto físico. Mas ele não buscou uma integridade espiritual, não buscou se desenvolver espiritualmente. Ele achou que Deus estava lhe dando poder humano. Ele foi ungido por Samuel, mas Satanás colocou dentro dele um sentimento de rebeldia que é insubmissão e ele acabou usurpando o ofício sacerdotal e sacrificando no lugar de Samuel. Samuel, então lhe diz: “Seu reino está sendo retirado e você perdeu tudo que Deus te deu. Você jogou tudo fora porque alimentou este sentimento. Rebeldia é feitiçaria”.
 
Lamentavelmente, temos desculpas, às vezes, uma série de atitudes religiosas, mas quando nos submetemos a Deus, a nossa submissão tem que ser completa.
 
Rute se submeteu a Noemi e disse: “Onde quer que fores, irei eu e, onde quer que pousares, ali pousarei eu; o teu povo é o meu povo, o teu Deus é o meu Deus! 17Onde quer que morreres, morrerei eu e aí haverei de ser sepultada; que o SENHOR me castigue como lhe aprouver, se outro motivo que não seja a morte me separar de ti!” (Rute  1.16-17). Em outras palavras, estava dizendo: ‘Eu sou 100% submissa a você’. E era mesmo, a ponto de trabalhar, de colher migalhas, de passar fome junto com ela.  
 
As pessoas não entendem que submissão não é ser escravo. Satanás falou que submissão é escravidão. Submissão é opção; é exercício do livre arbítrio. Submissão é amor. Eu estou preso a Jesus porque sou submisso ao amor que existe dentro de mim; e quando eu amo eu estou preso pelo amor. Quando não amo, então vem a rebeldia.
 
Não deixe que o diabo coloque os sentimentos dele na tua vida. Às vezes você não sabe por que as coisas na tua vida não estão acontecendo, mas é porque você está insistindo na tua vontade, você quer do teu jeito, mas você ainda não entregou tudo a Deus. Não permita que o espírito de rebeldia roube o plano de Deus na sua vida.
 
Absalão (1 Sm 15.5-6)
 
Absalão, o filho mais lindo de Davi, sobre quem ele tinha tanta expectativa como sucessor, que poderia ser a maior bênção, Satanás o contamina e ele se torna insubmisso. Absalão convoca os generais de Davi, se revolta e tenta tirar Davi do trono. Isso é ou não é Satanás? É o mesmo sentimento ou não é?  Ele vai para a porta do palácio, com sua beleza, como Lúcifer, e começa a falar mal de seu pai Davi, como muitos falam de ungidos de Deus.
 
Esse sentimento faz a igreja e a família sofrerem. Muitas vezes, mulheres não ouvem seus maridos, são insubmissas, mentem e escondem coisas. E alguns maridos fazem a mesma coisa. Esse sentimento é que tem que ser arrancado, porque ele traz o espírito de divisão. A origem é satânica e o resultado é a divisão.
 
Diga: Que habite em mim o mesmo sentimento de Cristo. O poder da unidade de Cristo está na minha vida. Como Cristo foi submisso eu quero esse sentimento na minha vida.
 
A imagem pode conter: uma ou mais pessoas e multid?£o
 
1 – Ser submisso quando nosso interesse é tirado (2Sm 15.20-23) – Itaí era geteu e não precisava ser submisso a Davi, mas ele tinha a fidelidade e a submissão do ungido. Ele disse: ‘seja para a morte ou para a vida, onde o rei for, eu e minha família estaremos juntos’.
 
E aí está a aliança. O que Espírito Santo espera de você é essa aliança inquebrável. Se você perder as coisas mais importantes da sua vida, permaneça com o Rei. Nada pode te separar do amor de Deus. Onde o Rei for, vá! Itaí significa a marca da submissão. Fidelidade não envelhece e é essa a aliança que Deus tem com você. Se você perder todo o seu dinheiro, saiba que não é dinheiro que te liga a Deus. O que te liga a Deus é um sentimento de fidelidade e submissão.
 
Eu profetizo na sua vida: Deus está te colocando nesse plano superior. E o Espírito Santo está te falando: nos próximos 5 anos você vai viver uma revolução tão grande e tão poderosa que vai levantar as suas mãos e dizer: graças a Deus, porque o Senhor não me deixou e o plano Dele se cumpriu na minha vida! Deus é fiel!
 
2 – A fidelidade de Rute era o sentimento hereditário no espírito que faz o juramento eterno (Rt 1.16-17) - Quem é fiel gera pessoas fiéis. Você acha que Jesus poderia vir de uma mulher insubmissa? Jesus veio daquela que não era judia (Rute), daquela que era desprezada, mas dentro dela tinha um sentimento, o sentimento de Cristo. Este sentimento vai gerar um plano poderoso de Deus na sua vida, vai gerar um plano poderoso de Deus na vida dos seus filhos, na vida dos filhos dos seus filhos até mil gerações, porque é o sentimento de Jesus Cristo.
 
Diga: Eu tenho a herança do sentimento de Jesus Cristo. Eu sou submisso à Tua vontade, porque a minha submissão está gerando um grande plano de Deus. A minha submissão está gerando ressurreição e a salvação de milhões de pessoas.
 
Quando acontecer qualquer coisa na sua vida, fique firme! Quando acontecer uma luta, fique firme! Quando tiver um contratempo, fique firme! Quando a fornalha aquecer sete vezes mais, fique firme e diga: ‘Eu estou submisso a um plano maior e vou chegar ao fim deste plano’.
 
3 – Viver o poder da fidelidade (Dt 7.9) – Saiba que o Senhor é fiel e guarda a aliança e a misericórdia até mil gerações aos que o amam e cumprem seus mandamentos. Esta aliança é baseada na fidelidade de um Deus imutável. Estamos debaixo dela, submissos a ela e hoje está começando algo grande de Deus. A igreja apostólica nasceu debaixo da submissão a Cristo e o Espírito Santo veio por causa da submissão dos apóstolos.
 
Diga: Eu tomo posse, eu me aproprio do poder da submissão e da fidelidade. Essa é a minha hora. Como Rute, eu vou viver o poder da fidelidade!’.
 
O resultado da submissão é a exaltação. Porque Deus o exaltou e deu um nome acima de todo nome. Você pode pagar um preço com dores, guerras, lutas, mas a tua exaltação virá em testemunhos, em obras que Deus vai fazer, porque os que são submissos não ficarão em desonra e em vergonha, mas serão levantados com Cristo.
 
Com Cristo, os que se submetem, vivem o plano de Deus. Ensine os seus filhos a serem submissos. Honre as suas autoridades e seja submisso à vontade do Senhor Teu Deus!
 
Seja submisso ao teu patrão, seja submisso às pessoas que te abençoam. Seja diferente. Não seja igual ao mundo. Não seja injusto. Até na tua casa seja submisso ao teu pai e tua mãe. Honre teus pais. Sobretudo, seja submisso à vontade de Deus, porque ela será sempre boa, perfeita e agradável.
 
Infelizmente, começou uma malignidade querendo discutir o envio. Não existe isso. Ou você quer servir a Deus ou quer servir aos seus interesses. Se Deus te chamou para ser pastor, seja pastor, não importa se você vai morar bem ou mal, se vai ganhar bem ou mal. Ministério não é carreira, é sacerdócio.
 
Este ano é ano de Rute e não podemos carregar outro sentimento. Se for machucado, se tirarem seus benefícios, se te chicotearem, não importa o que for, continue submisso.
 
Ore assim: Senhor, se não for para viver o teu plano, eu não quero viver nesta terra. Eu me submeto à tua vontade. Se havia algum sentimento dúbio, se havia algum ataque ao meu ministério ou casamento, tira agora! Não importa se sofro, se vou catar migalhas ou as dores que eu tenha. Eu posso ser humilhado, mas no tempo determinado serei exaltado. Eu quero Seu plano e Sua vontade. Revoluciona a minha vida, Senhor! Revoluciona meus sentimentos! Restabelece as prioridades no meu espírito!
 
Repita: Diante da Trindade Bendita, Jesus Cristo que se fez homem, Verbo de Deus que abriu mão da sua glória, se esvaziou de si mesmo, se humilhou e foi obediente até a morte e morte de cruz, eu quero me colocar submisso ao Teu plano, Senhor! Prometo e confesso não deixar o meu coração ser contaminado por nenhum sentimento demoníaco. Eu entendo, pela Palavra, que aquilo que nasceu em Satanás não vai nascer na minha vida. Eu quero ser igual a Jesus. Eu não quero sentir como o mundo sente; eu quero sentir como Jesus Cristo. E como Rute firmou aliança em submissão, eu me submeto à Tua vontade, como os apóstolos foram submissos a Ti. Eu recebo o Teu sentimento, como Paulo, que não te viu em carne, mas te recebeu no espírito. Da mesma forma, eu não te vi na carne, mas te recebi em espírito. E em espírito, por te amar, eu sou, incondicionalmente, submisso a ti, Senhor. Esta é a minha verdade e eu transferirei esse sentimento para todas a minhas gerações. Deus fiel, Deus eterno, eis-me aqui!
 
Medite nesta Palavra e você vai chegar à seguinte conclusão: a insubmissão e a rebeldia é a fonte e a raiz de todas as derrotas na vida dos homens. Tudo o que não dá certo começa com insubmissão. Contrariamente, tudo dá certo quando a raiz é a submissão. Jesus foi submisso. O plano de Deus deu certo. Aleluia!!
 
A imagem pode conter: uma ou mais pessoas e bebida
 
 
Redação
Leia também:
Poder do chamado é tema da Ceia de Oficiais de novembro (03.11)
Uma visita ao local onde Cristo celebrou sua última ceia (15.09)
No Monte Scopus, igreja Renascer celebra a Santa Ceia (12.09)
Acompanhe, na íntegra, a palavra ministrada na Ceia (04.08)
Poder de escolha é tema da Ceia de Oficiais de julho (07.07)

Publicado em 08/09/2019
Matérias | Igrejas | BUSCADOR


Mais Notícias
12.11
Reunião mensal do projeto +QV será neste sábado
12.11
Troféu Gerando Salvação: Volte no Renascer Praise
12.11
Hoje é dia de limpar a eira para ver os montões
12.11
Neste sábado! Treinão do +QV FIT no Renascer Hall
12.11
"52 Dias de Neemias: Construindo 2020": Referência bíblica e oração de hoje
11.11
Superação: Como transformar crises em oportunidades
10.11
Marcha para Jesus reúne multidão nas ruas de Salvador

Radio Gospel FM 90.1 | Marcha para Jesus | Renascer Praise | O2 Church
Todos os direitos reservados - 2019 | Ano Apostólico de Rute
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.