"Nunca limite o poder de Deus de te fazer feliz!"


O Encontro de Mulheres +QV de julho foi especial. Com o tema “Vitória Sobre a Morte: Como Iniciar Novos Ciclos?”, o evento foi marcado por louvores, orações, ministrações inspiradoras e o lançamento do novo livro da Bispa Sonia Hernandes, “Reencontro com a Vida”, no qual ela conta como foi seu processo de superação após a partida de seu filho mais velho e mostra que existe, sim, vida após o luto e que a ressurreição é para quem fica.


Na obra, já disponível nas principais livrarias do país e no Gospel Bay, ela compartilha sua jornada em 12 capítulos libertadores e também ensina o método Renascer, que inclui as seguintes etapas:


- Vencer o sofrimento, respeitando seus sentimentos;


- Ressignificar a dor e se reaproximar de Deus;


- Perdoar-se por suas falhas e perdoar aqueles que não compreenderam ou respeitaram sua dor;


- Ser seu melhor amigo e criar uma rotina produtiva;


- Libertar-se do passado para seguir em frente.


A líder e fundadora do +QV Bispa Fê Hernandes Rasmussen trouxe uma mensagem de reflexão sobre o tão doloroso processo de luto. Ela falou que não podemos permitir que as perdas se transformem no fim da nossa história.

“Moisés, depois de perder a irmã e diante de tantas pressões que enfrentou no deserto, acabou se revoltando contra Deus e feriu a rocha. Quando passamos pelo dia da dor, não podemos nos esquecer de que, em Deus, sempre podemos encontrar e acessar um ambiente de reconciliação com a vida, como a Bispa Sonia encontrou. Um dos exemplos que nos inspiram é o de Jó, que não atribuiu a Deus nenhuma de suas perdas. Jó terminou sua jornada restituído em todas as coisas e declarando: ‘Sei que podes fazer todas as coisas e que nenhum dos Teus planos pode ser frustrado’”, afirmou ela.


“Minha mãe, ao escrever esse livro, foi muito corajosa, pois abordou um tema que nem todos querem abordar exatamente pela dor que ele pode causar. O luto não se estabelece só com a perda de um ente querido, mas com o fim de um relacionamento, com uma falência, com uma demissão... E, muitas vezes, acabamos criando uma série de barreiras e impedimos que o Autor da Vida continue escrevendo nossa história! Uma das lições que eu aprendi é que saber que Deus é bom é ótimo, mas muitas vezes passamos pelo deserto para mostrar quem é Deus em nós. Queremos mostrar que não é fácil superar o luto, mas é possível!”, acrescentou.

Na sequência, Bispa Fê e a Bispa Amanda Baldoni leram algumas perguntas que as participantes do Encontro deixaram para a Bispa Sonia sobre o livro.


Acompanhe, a seguir, algumas delas:


Quem é a Bispa Sonia antes e depois deste livro?


Logo que veio o luto, eu queria arrumar minha vida o mais rápido que eu pudesse, pois eu queria me reencontrar logo com meu filho. Depois, eu entendi que a missão que Deus tinha para o meu filho havia acabado, mas a minha continua e envolve a superação do luto e mostrar esse caminho de libertação para outras pessoas!


Esse livro é dedicado somente para quem perdeu pessoas amadas?


Esse livro é dedicado a pessoas que tiveram todos os tipos de perdas e não conseguem mais enxergar um futuro para elas!


Os mesmos sentimentos que tive eu vejo em pessoas que tiveram seus sonhos interrompidos... Por exemplo, com o fim de relacionamentos... De repente, na véspera do casamento, o rapaz desiste e meses depois se casa com outra... Ao passar por isso, a vítima destas perdas se vê sem futuro...


Existem mulheres que foram casadas por 10, 20, 30 anos e se divorciaram de uma maneira trágica. O outro não foi morar no céu, mas aquele relacionamento morreu...


A questão é: O que o luto levou? O que Deus tem para nos dar é muito maior!


Este livro é um processo de cura interior! Talvez, ao ler, você reviva algumas coisas e até chore, mas, com certeza, vai terminar louvando, pois Deus quer que tenhamos uma vida plena... Ele não quer que vivamos pela metade.

Para termos um reencontro com a vida o que devemos deixar para trás?


Na verdade, não deixamos nada para trás... As lembranças continuam...


Guarde isso: O que a vida juntou a morte não leva!


O que precisamos é saber encerrar ciclos... Precisamos encerrar estes capítulos e escrever novos capítulos com Deus!


Encerrar ciclos não é esquecer as pessoas que amamos... É entender que o seu compromisso não é mais com o passado, mas com o presente e com o futuro!


Como foi o processo de desenvolvimento de cada capítulo?


Ele é dividido em todos os processos que eu vivi, pois o luto não é algo intenso só quando recebemos a notícia... É sempre complicado, pois o Dia das Mães chega, o Natal chega e, de repente, aquela pessoa não está mais lá...


Precisamos ter consciência de que a morte não quer só matar quem partiu, mas quem ficou...


Eu entendi que o que aconteceu com meu filho foi a vontade de Deus, pois todas as orações, jejuns e votos que eu poderia ter feito eu fiz! O fato de Deus não ter feito o que eu queria não significa que Ele não recebeu e aceitou meus votos...


Esse livro são 12 chaves que te reconectarão com aquela que você sempre gostou de ser... Ao ler, você acaba encontrando propósitos para cada perda da sua vida e encontrando outras alegrias. Deus me ensinou que podemos ser felizes em cada fase da nossa vida, mas nunca uma será como a outra. Por isso, precisamos aprender a valorizar e apreciar cada uma!


O processo de libertação também passa por uma decisão: “Eu quero ser consolada e curada!”, pois no Senhor sempre encontramos consolo e cura!


Uma das coisas que eu aprendi neste processo é que ninguém supera nada sem que outra pessoa o ajude! Todos nós precisamos nos cercar de amigos que são amigos de Deus e de mentores. Esse é um dos objetivos do +QV!


Quando Maria ficou grávida de Jesus, imagine os desafios que ela enfrento! Sabe o que ela fez? Foi para Hebrom, onde ficava a Igreja, e foi ao encontro de sua prima, Isabel, que também estava gravida. Uma apoiou a outra nesse processo!

Dessa experiência, nasceram louvores?


Muitos! Eu sempre chamei o Bispo Tid de “minha festa”. Quando eu entendi que meu filho chegou ao destino que Deus tinha para Ele, eu enchi meu coração de alegria e, assim, nasceu o louvor “Espírito Santo”. Há um trecho no qual eu declaro:


Quantas vezes é tão difícil olhar pra frente, prosseguir

Lágrimas de um coração que insiste em olhar pra trás

Vou acreditar que há futuro e que o melhor está por vir

O passado acabou, é tempo de voar!

Vem Senhor me ajudar vem transformar meu coração


Espírito Santo, vem me encher

Tua liberdade me faz voar

Sempre tem mais pra aquele que crê

Vou olhar pra frente e me alegrar


A mensagem que eu quero deixar é: Nunca subestime o poder de Deus de te fazer feliz!


Guarde isso também:


O que você não pode mudar precisa te motivar a ser alguém melhor!


Nunca permita que nenhum problema e que nenhuma perda tenham mais valor do que a sua vida!


No final do Encontro, a Bispa Sonia carinhosamente autografou todos os livros e tirou fotos com as participantes do evento.



Redação

Fotos: Sarah Brito

Últimas