top of page

Bispo Lalá: “Em qual navio você vai embarcar?"

Na noite deste domingo (12), os milhares de jovens que estiveram hospedados na Fazenda Renascer, para viverem experiências profundas com Deus no feriado de Carnaval receberam uma mensagem de reflexão do Bispo Lalá sobre escolhas e consequências.



Acompanhe, a seguir, o resumo:

 

Jonas 1: A palavra do Senhor veio a Jonas, filho de Amitai, dizendo: — Levante-se, vá à grande cidade de Nínive e pregue contra ela, porque a sua maldade subiu até a minha presença. Jonas se levantou, mas para fugir da presença do Senhor, para Társis. Desceu a Jope, e encontrou um navio que ia para Társis. Pagou a passagem e embarcou no navio, para ir com eles para Társis, para longe da presença do Senhor. Mas o Senhor lançou sobre o mar um forte vento, e levantou-se uma tempestade tão violenta, que parecia que o navio estava a ponto de se despedaçar.

 

Então os marinheiros ficaram com medo e clamavam cada um ao seu deus. Lançaram no mar a carga que estava no navio, para que ele ficasse mais leve. Jonas, porém, havia descido ao porão do navio; ali havia se deitado, e dormia profundamente. O capitão do navio se aproximou de Jonas e lhe disse: — O que está acontecendo com você? Agarrado no sono? Levante-se, invoque o seu deus! Talvez assim esse deus se lembre de nós, para que não pereçamos.

 

Os marinheiros diziam uns aos outros: — Vamos lançar sortes para descobrir quem é o culpado desse mal que caiu sobre nós. Lançaram sortes, e a sorte caiu sobre Jonas. Então lhe disseram: — Agora nos diga: Quem é o culpado por este mal que nos aconteceu? Qual é a sua ocupação? De onde você vem? Qual a sua terra? E de que povo você é? Jonas respondeu: — Eu sou hebreu e temo o Senhor, o Deus do céu, que fez o mar e a terra.

 

Então os homens ficaram com muito medo e lhe perguntaram: — O que é isso que você fez? Pois aqueles homens sabiam que Jonas estava fugindo da presença do Senhor, porque ele lhes havia contado. Então lhe perguntaram: — O que devemos fazer com você, para que o mar se acalme? Disseram isto porque o mar ia se tornando cada vez mais tempestuoso. Jonas respondeu: — Peguem-me e me lancem no mar; então o mar ficará calmo. Porque eu sei que, por minha causa, esta grande tempestade caiu sobre vocês.

 

Em vez disso, os homens remavam, esforçando-se por alcançar a terra, mas não podiam, porque o mar ia se tornando cada vez mais tempestuoso contra eles. Então clamaram ao Senhor e disseram: — Ah! Senhor! Rogamos-te que não nos deixes perecer por causa da vida deste homem, e não faças cair sobre nós este sangue inocente. Porque tu, Senhor, fizeste o que foi do teu agrado.

 

Em seguida, os marinheiros pegaram Jonas e o lançaram no mar; e a fúria do mar se acalmou. Então esses homens temeram muito o Senhor; ofereceram sacrifícios ao Senhor e fizeram votos. O Senhor ordenou que um grande peixe engolisse Jonas. E Jonas esteve três dias e três noites no ventre do peixe.



Jonas decidiu embarcar no navio errado, e viveu as consequências de não seguir a direção de Deus.

 

Quando temos os mesmos sentimentos e reações, caímos no:

 

1- NAUFRÁGIO DA OBEDIÊNCIA

 

Obediência não é andar sob opressão, mas de uma direção certeira!

 

Obediência é uma virtude espiritual que nos leva aos propósitos que Deus tem para nossa vida.

 

2- NAUFRÁGIO DA RELIGIOSIDADE

 

Deus te colocará em lugares e situações para que a luz d’Ele brilhe através da sua vida. Por isso, não resista ao seu chamado!

 

3- NAUFRÁGIO DA MORTE ESPIRITUAL

 

Os prazeres do mundo estão disfarçados de liberdade, mas na verdade conduzem à destruição. Não naufrague mais nas suas escolhas erradas. Corrija sua rota e embarque no cruzeiro de Jesus!

 

Jesus é o livramento providenciado pelo Pai. Ele nos salva dos naufrágios da consequência da desobediência, da religiosidade e da morte espiritual.

 

Em Jesus, você encontra:

 

1º A ROTA DA MISSÃO DO EVANGELISMO;

 

2º A ROTA DA CONQUISTA;

 

3º A ROTA DA FESTA E CELEBRAÇÃO.

 


 Fazenda Renascer, um celeiro de salvações

 

A Fazenda Renascer é um ambiente de formação, transformação e experiências profundas com Deus. É um celeiro de avivamento, evangelismo, cura e libertação.

 

Com 45 hectares e situada em Mairinque, a 70 km da capital paulista, ao longo de seus 20 anos de história, já recebeu mais de 100 mil jovens. Tornou-se um verdadeiro refúgio, principalmente no período de Carnaval.

 

O local possui dormitórios feminino e masculino, área para camping, administração, estacionamento amplo, uma cozinha industrial, a nave onde os cultos são realizados e o Monte Sião, onde ocorrem os encontros de oração e a consagração dos pedidos recolhidos nas igrejas.



Sua área de lazer inclui quatro piscinas, salão de jogos, um campo de futebol, um haras e uma quadra de voleibol.

 

Milhares de pessoas foram salvas e batizadas nos retiros espirituais, acampamentos, encontros com Deus e vigílias promovidas pela Igreja Renascer em Cristo, cuja visão é a reconstrução e restauração de vidas e famílias.



Redação

Últimas

bottom of page