Marfins citados na Bíblia são encontrados

Um grupo de arqueólogos encontrou em Jerusalém um conjunto de placas de marfim do período do Primeiro Templo.

Segundo a Autoridade de Antiguidades de Israel, cerca de 1.500 fragmentos foram escavados no estacionamento ​​da Cidade de Davi, mas sua origem só foram comprovadas durante uma peneira no Parque Nacional Emek Tzurim.


O marfim é citado por diversas vezes na Bíblia, geralmente fazendo referência a ambientes exuberantes, como o “grande trono de marfim” do rei Salomão (1 Reis 10:18), o palácio do rei Acabe adornado com marfim (1 Reis 22:39) e as advertências do profeta Amós contra aqueles que se deitam em camas e sofás de marfim (Amós 6:4).


Estudiosos acreditam que as peças de marfim encontradas eram utilizadas em móveis de madeira de um edifício em Jerusalém, entre os séculos 8 e 7 a.C., quando a cidade estava no auge de seu poder.



Redação

Informações: Governo de Israel e Guiame

Últimas