Quebra de Cativeiros é tema do Encontro +QV


O tema do Encontro +QV do mês de setembro foi "Quebra de Cativeiros". Com transmissão ao vivo do Renascer Hall para todas as igrejas Renascer em Cristo, o evento foi marcado por orações, louvores, histórias de superação, conselhos, momentos de comunhão, uma homenagem às discipuladoras destaque do mês e uma mensagem encorajadora da Bispa Sonia Hernandes e da Bispa Virgínia Arruda, do Ministério A Palavra do Dia, que falou sobre como Deus a curou e a libertou do vício das drogas, das marcas de abuso e violência, do sentimento de rejeição, da depressão, da síndrome do pânico, da solidão e dos pactos demoníacos que ela havia feito ao longo de sua vida.


“Existem cativeiros que nós mesmas criamos com nossas palavras e atitudes!”, conscientizou a Bispa Virgínia. “A tua boca tem poder para te levantar ou para te derrubar. Aquilo que você pensa e fala ao seu respeito determina o seu amanhã! Isso mesmo: você é o que você fala! Se você só fala palavras contrárias, o que você acha que vai atrair para a sua vida? Contrariedades! Mas, se em tudo, você declarar que é mais que vencedora e que você tudo pode naquele que Te fortalece, não haverá limites para você!”, acrescentou.

Na sequência, ela trouxe uma mensagem de reflexão inspirada no texto bíblico abaixo:


Lucas 7.11 a 15: Pouco depois, Jesus foi para uma cidade chamada Naim, e os seus discípulos e numerosa multidão iam com ele. Ao aproximar-se do portão da cidade, eis que saía o enterro do filho único de uma viúva; e grande multidão da cidade ia com ela. Ao vê-la, o Senhor se compadeceu dela e lhe disse: — Não chore! Chegando-se, tocou no caixão e os que o estavam carregando pararam. Então Jesus disse: — Jovem, eu ordeno a você: levante-se! O que estava morto sentou-se e passou a falar; e Jesus o restituiu à sua mãe.


Acompanhe, a seguir, alguns trechos da ministração:


A cidade de Naim era conhecida como um ambiente de alegria e paz, bem como o significado do seu nome, mas naquele momento havia muita dor e sofrimento. Aquela mulher, que já era viúva, tinha acabado de perder seu filho. Todos olharam para ela e pensaram: “É o fim da linha!”


Guarde isso:


Pensamentos contrários e palavras contrárias só têm autoridade sobre nossas vidas se nós permitirmos!


Guarde isso também:


O trabalhar de Deus é de dentro para fora! A cura e a libertação começam no espírito e na alma! A nossa liberdade foi conquistada por Jesus na cruz! Viva de acordo com ela!


Na sequência, a Bispa Sonia Hernandes, relembrou o texto bíblico de Gálatas 5.1, que diz: “Foi para a liberdade que Cristo nos libertou. Portanto, permaneçam firmes e não se deixem submeter novamente a um jugo de escravidão.”

E acrescentou:


No livro de Êxodo, vemos que o faraó não pretendia liberar todo povo. Por isso houve tantas pragas. Após uma delas, ele disse: “Podem ir, mas deixem suas famílias e os seus rebanhos.”. Depois, Deus enviou outra, e o faraó continuou com o coração endurecido: “Podem ir, levem as mulheres e as crianças, mas deixem os rebanhos!”. E Deus mandou mais pragas, até que o faraó finalmente libertou tudo e todos! Ninguém ficou para trás!


A obra de restauração e de libertação que Deus tem para você será completa! Nenhum fio de cabelo seu ficará em cativeiro! Nenhuma área ficará amarrada!


Você é livre para passar por provações e ser aprovada!


Você é livre para passar pelas águas da aflição e sair com o ânimo restaurado!


Você é livre para passar pelo fogo e sair ilesa!


Cativeiro? Nunca mais!


Você é livre para libertar!


O encerramento do culto foi marcado por um grande mover de cura e libertação.


Redação

Últimas